Será que azia tem cura?

Azia, queimação e má digestão é um problema gástrico que atinge cerca de 20 milhões de brasileiros segundo reportagem do site do UOL.  Mas será que a azia tem cura? ou simplesmente a pessoa que tem azia terá que conviver com esse problema durante toda a vida?  Se você quer saber definitivamente como é possível estar vencendo a azia, Leia este artigo atentamente pois iremos compartilhar algumas alternativas naturais que podem de ajudar a resolver definitivamente esse problema.

como acabar com a azia

 

Primeiramente existe o mito de que azia, gastrite e na digestão não tem uma cura específica, mas sim apenas tratamentos paliativos que amenizam os sintomas da azia. Segundo a gastroenterologista Ana Paula, essa é a visão que a maioria da população tem sobre o problema. Porém ela afirma que as indústrias farmacêuticas e a mídia querem que pensemos isso, pois o consumo e a venda de remédios que somente aliviam os sintomas é muito lucrativo, rendendo a essas empresas bilhões de reais por ano, onde as indústrias faturam com a venda de medicamentos e a mídia com a veiculação de comerciais.

 

Segundo Ana Paula alimentos pesados são os maiores causadores de azia, dentre eles estão alimentos gordurosos, com muito tempero, Frutas cítricas, tomate, molho de tomate, cafeína e refrigerantes são os maiores vilões. Porém ela afirma quê Uma Alimentação adequada juntamente com alguns tratamentos naturais com ingredientes totalmente caseiros, podem curar definitivamente a azia.

 

A gastroenterologista recomenda um tratamento completo em seu livro vencendo a azia, onde ela compartilha o tratamento completo indicado para os mais diversos tipos de azia, gastrite, queimação e má digestão. Todas as receitas foram tiradas em cima de pesquisas que foram feitas em várias partes do mundo.

 

O tratamento que é compartilhado no livro já foi, inclusive, testado em centenas de pessoas aqui no Brasil com resultado satisfatório em quase 100% dos pacientes, o que comprova que as afirmações da Ana Paula possuem embasamento científico e testes clínicos.

 

Se você faz parte desse grupo que sofre de azia, recomendo que siga todas as dicas da Ana Paula, e se possível adquira seu livro para ficar por dentro de todas as novidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *